Quinta-feira, 24 de Abril de 2008

...

-Amua para aí

Vai a correr vestir o pijama

 

Gritas a pensar que me pões o dedo na ferida de estar em casa na véspera de feriado. No filme que estava a ver, antes de me queres inquietar com a tua ansiedade, o artista principal estava a sussurrar ...despe o pijama a correr e fecha a porta.

Que tenhas o tom que te apetecer, que eu hoje também já não canto nada, e não te vou explicar que no pijama estou tranquila e comigo e mais perto de mim e é isso que me apetece hoje. Não há nódoa na noite negra, nunca fui pessoa de ir, como ouvi por aí, me perder na multidão para me encontrar. E tu nunca percebeste o meu sol.

 

Atira as pedras que quiseres…

o muro entre nós vai crescendo...


solto por anacanela às 23:36
| comentar | favorito
5 comentários:
De Segredo Cor de Rosa a 26 de Abril de 2008 às 12:37
Gostei imenso deste post.
Voltarei com mais tempo para ler o resto.

Bom Fim Semana.
Segredo Cor de Rosa


De J.C. a 29 de Abril de 2008 às 02:14
o pijama é sem duvida das melhores coisas do mundo ...
isso e os lençois frescos no verão ...

os muros ... acabam por cair de tão altos que ficam

um abraço

jmack


De diana a 1 de Maio de 2008 às 17:16
Um lindo post, como sempre. As tuas palavras são muito sentidas, escreves com o coração. Vou passando por cá.


De Narrador a 1 de Maio de 2008 às 23:01
Pois...essas pedras...conheço as muralhas em que um dia, os muros se transformam...



De agencia publicidade a 11 de Maio de 2010 às 16:45
Acho que conhecemos todos... infelizmente.


Comentar post

.essência

A vida é uma mão cheia de areia ... a escorrer por entre os dedos do tempo, e no nosso espaço interior cria dunas de poesia

.últimos grãos

. mea culpa

. ao fundo

. ...

. aquilo que era único

. entre vistas

. ...

. Um Par Im

. cor

. Sem pena

. respirar

.pelo areal

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.subscrever feeds